Translate

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Receita: Salada Natalina

A salada do Natal...

É! Esta foi a tarefa solicitada para a ceia de Natal!!! Nada mais justo!rs...

Então, compartilho com vocês a minha contribuição. Acabei de preparar!

Feliz Natal, recheado de muita harmonia, união, compreensão, respeito, alegria e belas degustações!





SALADA NATALINA

Ingredientes:
Alface Americana rasgada a mão
Acelga em tiras finas
Pimentão vermelho, pimentão amarelo em tiras finas

Tomate uva cortado em 4 pedaços, alguns em 2 e alguns inteiros- 200g
Tomate seco em tiras finas- 100g
Cenoura- 1 unidade média- cortada em tiras finas

Passas- 4 colheres de sopa
Castanha de caju- 100 a 150 g
Cebolinha picada- a gosto
Hortelã (folhas)- a gosto
Salsa desidratada- a gosto
Azeite de oliva- a gosto

Preraro: Misturar todos os ingredientes e usar uma parte para decorar

Molho Iogurte  de soja e ervas
Iogurte - 200ml
cebolinha, salsa e hortelã picados - 1 xícara (os 3 juntos picados)
1 colher de sopa de mostarda

2 colheres de sopa de azeite de oliva extra virgem
Sal

Preparo:
Bater todos os ingredientes no liquidificador.
Dica: Reserve um pouco do iogurte e acrescente após bater no líquidificador, para ganhar uma conscistência mais pastosa.

Molho Mostarda e melaço

1 xícara de mostarda
3 colheres de sopa de melaço
Pimenta branca e/ou do reino
Limão- 1/2 unidade  pequena(opcional) - eu fiz sem limão

Preraro:
Misturar todos os ingredientes manualmente em recipiente limpo e seco.

Boas festas!

Até breve!

Nos acompanhe no facebook: https://www.facebook.com/alquimiadanutricao

No youtube: https://www.youtube.com/playlist?list=PL6fKS6erZ6v-IvjR4Vk_lv9lhcHnj_CBd


terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Ponto de vista: 10 dicas sustentáveis de moda e Beleza por Camila Lisboa

Olá!

Esta postagem(do blog de camila Lisboa) aborda um ponto de vista, que condiz com uma boa parte de meus questionamentos e a forma, que considero mais coerente de se construir e sentir a beleza!

É apenas um ponto de vista, que vale refletir e quem sabe renovar alguma ou algumas condutas, tornando-as mais naturais, saudáveis e sustentáveis para o nosso corpo e planeta.

Em uma outra postagem falarei um pouco, da alta toxicidade originada de cosméticos e se não conseguimos abrir mão deles, aí a nutrição se faz mais necessária ainda, para que esta auxilie a eliminação eficaz destas tóxinas, pois o sistema desintoxicante do nosso corpo depende de nutrientes e compostos bioativos vindos dos alimentos.

Coloquei uma parte do texto e abaixo o link do blog, pois consta algumas fotos, que tornam a leitura mais atraente e esclarecedora.

Grata, Camila!

  10 dicas sustentáveis de moda e beleza

Quem leu meu último texto deve estar sem entender nada vendo isso aqui... Bem, é que na verdade, quando fui procurar as fotos para ilustrar o texto: Desabafo de uma quase nada vaidosa, percebi que, sem saber, tenho um modo bastante "sustentável" de lidar com a moda e resolvi compartilhar (com exceção da minha coleção de óculos, que confesso ser um pouco exagerada para um par de olhos... Mas, todo mundo tem seu ponto fraco, não é mesmo?)
Dizer que sou totalmente sem vaidade é exagero, na verdade, é tudo uma questão de parâmetro e foi assim que me senti depois de acessar o blog da minha xará: www.supervaidosa.com. Então, o título do post, foi mais um trocadilho do que tudo.
Vou dar as minhas dicas sustentáveis de moda e beleza:
1) Evito usar maquiagem por dois motivos: 
  • O primeiro é para preservar a minha pele, pois tenho a sensação que mesmo que a maquiagem seja da melhor qualidade possível, não é interessante ficar entupindo os meus poros e impedindo a pele de respirar e fazer trocas de absorção e desintoxicação, com o meio.
  • O segundo, é porque acho que o charme da maquiagem está em justamente ter um look diferenciando em ocasiões especiais. Como apreciadora de todo tipo de arte, neste caso, já que a ideia é caprichar no look, acho que vale a pena sim investir em produtos de qualidade e procurar fazer algo bem lindo, para deixar a auto estima lá em cima! Afinal, toda mulher merece alguns dias de princesa na vida...!
2) Se você tem a pele bonita, para que esconder? Em minha opinião nenhuma maquiagem se compara ao brilho natural de uma pele saudável... Se a sua pele não é tão bonita assim, a chance de piorar com o uso abusivo de maquiagem só aumenta... Melhor caprichar na alimentação (a beleza da pele vem de dentro para fora) e manter-se naturalmente coradinha: sua vitamina D agradece. Se o sol é rarefeito onde mora, que tal usar um blush natural de beterraba?
3) Falando em vitamina D, acho um exagero usar filtro solar no dia-a-dia a menos que se esteja fazendo algum tratamento dermatológico. Muita gente coloca até para ficar em casa, andar de carro, fazer curtos percursos a pé e ficar dentro de um escritório. Eu, me ENCHO de filtro solar, somente quando me exponho longamente ao sol: na praia, clube, fazendo trilha, etc... No resto do tempo, considero o risco de deficiência de vitamina D maior do que o de ter com câncer de pele.
4) Compras: Sempre fugi de modas e adoro looks básicos e clássicos. Chique para mim é sentir-se confortável e poder usar as mesmas roupas de dez anos atrás (sinal de que está mantendo a forma). Descubra as cores que lhe caem bem, os modelos que são mais adequados ao seu tipo de corpo e seja feliz, independente da moda... Eu mesma, fico péssima de calça com o cós muito baixo - não favorece nem um pouco o meu quadril largo. Invista em peças coringas: uma boa calça jeans, um pretinho básico. Lembre-se que alguns baratos saem caros e tente controlar o impulso nas promoções. Não é por que está super barato que você precisa comprar. Reflita muito sobre a utilidade daquela peça em seu guarda-roupa. Menos é sempre mais!
5) Cabelos: Nunca dei bola para esses shampoos caros, pois a genética e alimentação me ajudaram neste sentido. Na verdade, sempre maltratei meu cabelo com shampoos bem vagabundos e quando as pontas ficavam quebradiças (por ser muito fino, embaraça demais), cortava e pronto! Sempre achei mais prático cortar do que cuidar... Entretanto, recentemente resolvi fazer umas mechas (morando em BH, o louro natural, que precisava de sol - abundante o ano inteiro em Salvador e rarefeito por aqui - não sobreviveu...) e estou tentando deixar crescer, aí resolvi investir em uns shampoos recomendados pelo cabeleireiro. Sinceramente, não sei se está fazendo alguma diferença, mas quem entende do assunto, diz que faz sim! Daqui há um ano dou meu depoimento neste assunto.
6) Cremes para a pele: Pessoalmente detesto a textura de cremes na pele. Sinto-me grudenta (já basta o filtro solar quando vou à praia e não tem jeito). A sensação que me dá é que acabei de sair do banho limpinha e estou me sujando... Além disso, com uma boa alimentação, a pele tende a ser naturalmente brilhante e hidratada. Entretanto, minha super vaidosa irmã, me presenteou no último Natal com um esfoliante com sais do mar morto, acompanhado de um creme. Confesso que adoro quando uso os produtos... Só não tenho disciplina para usar sempre! Para quem estiver atrás de alguma indicação, são da marca Premier: dead sea minerals. No cotidiano, adoro uma boa bucha vegetal para eliminar as células mortas da pele e junto com elas, fazer descer pelo ralo toda a energia pesada que absorvemos por nosso maior órgão: em contato direto com a poluição, as ondas eletromagnéticas e a energia caótica do mundo lá fora. Além disso, uma boa esfregada na pele ativa todo o sistema circulatório periférico, que é excelente energéticamente e também para melhorar a saúde de epiderme (falo sobre isso em uma matéria que publiquei este ano na Revista dos Vegetarianos sobre o Colágeno
Para continuar lendo e acessar os links no meio do texto acesse:

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Docinho vivo delicioso – sobremesa ou lanche saudável



Este doce é uma ótima opção para amenizar a compulsão por doce.

Geralmente esta compulsão acontece no fim da tarde e/ou à noite, e está relacionada com a baixa de serotonina, substância (neurotransmissor) relacionada com a sensação de bem estar. Quando estamos de mau-humor, TPM, tristes, irritados e ansiosos, encontramos esta correspondência bioquímica, que é o baixo nível de serotonina.

Para produção de serotonina, necessitamos de triptofano (aminoácido) e para este triptofano entrar no cérebro precisamos de carboidratos, procuramos os doces feitos com grandes quantidades de caboidratos refinados, como o açúcar e farinhas brancas, por serem os que mais rapidamente chegarão na corrente sanguínea e assim no cérebro, mas justamente por esta razão, vem outros efeitos indesejáveis como: Piora da compulsão e retorno dos sintomas anteriores, aumento do peso, inflamação, desequilíbrio da microbiota intestinal, etc. 

Podemos conseguir este carboidrato e os outros nutrientes (magnésio; complexo B, principalmente B6, B9, B12 e o aminoácido triptofano) necesários para a produção de serotonina, de forma mais saudável e eficaz.

Esta receita reune alguns nutrientes, que trabalharam em sinergia a favor da produção da serotonina, além de antioxidantes,  fibras e gorduras de qualidade.


Zero açúcar, zero glúten e zero leite e derivados. 

Vale ressaltar, que todas as refeições devem ser planejadas de forma variada e equilibrada, contemplando todos os nutrientes e compostos biotivos necessários para o organismo funcione em harmonia e que estes são apenas ingredientes necessários após a tomada de decisão por ser feliz, por estudar e compreender a vida, rever pensamentos, sentimentos, renovar atitudes e comportamentos! OK? 

Receita: 

Ingredientes:


  • 50% de passas ou ameixas ou tâmaras ou damasco ou banana passa (carboidratos e a banana, ainda contém o triptofano e B6)- Eu coloquei uma xícara cheia.

  • 50% de castanhas de caju sem sal ou amêndoa ou amendoim ou Nozes ou combinar 2 opções.(magnésio e zinco). Eu fiz com a maior parte de castanha de caju e umas 2 colheres de sopa de amendoim triturado. Eu coloquei um xícara.

  • Cacau em pó (triptofano e magnésio)- pode ser feito sem cacau, para quem não gosta e para quem gosta a quantidade é a gosto de cada um. Eu fiz com 2 colheres de sopa rasa.

  • Canela (cromo- melhora ação da insulina)- A gosto. Eu fiz com, aproximadamente, 1 colher de chá bem cheia. 
Obs: Eu adicionei 1 colher sopa de semente de chia. Pode ser linhaça também.

Preparo:
Deixe de molho a fruta ou frutas desidratadas em pouca água por algumas horas, até amolecerem. Após, reserve parte da água (ou licor de tâmaras) em um recipiente e ponha as frutas e as castanhas de caju, cacau e canela no processador. Processe até ficar uma pasta uniforme e com consistência para enrolar, como docinhos. Unte as mãos (óleo de coco é o melhor) e passe no coco ralado ou cacau em pó com canela e comece a enrolar. Coloque nas forminhas ou acondicione em um pote de vidro na geladeira por 5 dias ou no congelador por 3 meses.

Boa degustação e bom humor!!!rs...

Conheça nosso canal no youtube: https://www.youtube.com/playlist?list=PL6fKS6erZ6v-IvjR4Vk_lv9lhcHnj_CBd

Até breve!

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Mídia e Nutrição- "Nova Dieta permite comer carne à vontade"


Nova dieta permite comer carne à vontade


Esta é uma reportagem relativamente antiga. Porém o conteúdo dela traduz crenças arriscadas e conduta igual ou semelhante, ainda comum na prática, de leigos, profissionais, equipes, clínicas etc...que mantém a visão reducionista nas estratégias para redução de peso, em que colocam a saúde em altíssimo risco, além de não tratar a obesidade e escravizar os clientes em ciclos de engorda e emagrece, já que a obesidade não foi tratada.

Eu vi este vídeo no youtube por estes dias e deixei alguns comentários no próprio youtube, mas hoje resolvi copiar e colar aqui. Pois considerei, que tenho a responsabilidade como profissional de saúde e nutricionista, deixar este alerta aqui, para quem gosta do assunto e do meu blog.

Os comentários que deixei no youtube são os seguintes:


  • Realmente contar calorias é algo secundário na perda de peso.Temos que pensar no comportamento do alimento e isso abrange seu poder detoxificante(limpar o organismo), efeito antioxidante(evitar danos causados por radicais livres, que causam doenças e envelhece), efeito antiinflamatório e aí é o ponto chave do tratamento da obesidade. Este método citado acima é altamente inflamatório e promove a Diabiose(desequilíbrio das bactérias intestinais),que também favorece o desequilíbrio do peso e saúde.
  • Dieta hiperproteica promove nefrotoxicidade, acidifica o sangue e assim favorece osteoporose. Dieta de baixo índice glicêmico, não tem que ser sinômimo de excesso de carnes, principalmente os embutidos, em que vários estudos indicam a sua relação com o aumento de câncer gástrico, intestinal e diabetes, devido o alto teor de toxinas (aditivos e conservantes).
  • Perder peso, se perde relativamente ou muito facilmente por diferentes tipo de estratégias. Agora tratar a obesidade, se manter magro e com saúde , aí é outra coisa, que com certeza não se consegue com este método. Emagracer as custas de um consumo excessivo de proteína (carnes) e lixo disfarçado de comida é um absurdo!

    Recomendo a leitura do post: "Excesso de gordura coporal e inflamação, qual a relação?"  para melhor compreensão.
    http://monicamenezesvida.blogspot.com.br/2012/05/comer-menos-e-gastar-mais-e-chave-do.html
    Até breve!

    Desejo à todos, incluse para mim, rs... muito amor e respeito pela vida!!!

    Beijos de luz...

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Fotos- Encontro Alquimia da Nutrição ( em Amargosa-BA)

A Alquimia da Nutrição esteve em Amargosa, neste sábado (10.11.12) e como sempre, tudo fluiu em plena harmonia e serenidade.

Temas abordados: Comportamento alimentar e suas consequências ambientais e indivíduais; Ambiente tóxico e alimentos desintoxicantes; A importância dos alimentos antiinflamatórios na prevenção de doenças e equilíbrio do peso; Desmistificando leite e carne; alimentos funcionais.

O Encontro aconteceu no CEMALY, onde estiveram presentes os adoráveis e ilustres participantes...
Vejam as fotos.

Que felicidade poder realizar este Encontro com pessoas tão adoráveis e na Escola que estudei na infância!





                              Noélia, Professora Alaíde, Márcia, Sr. Cori, Daniele...


                                                                   Em ação...


                                                      Momento de muita emoção!!!
                                                    Quanto carinho! Muita gratidão!






                               Fechando com chave de ouro! Abraço valioso!rs....

  E a Alquimia continua... Tudo por uma vida com mais vida!!!

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Pasta de tofu

  Mais uma receitinha simples e saborosa.






 Ingredientes:

200 a 250 g de tofu
Salsa fresca- 1 ramo grande ou a gosto (ou hortelã, manjericão, cebolinha etc...)
Orégano desidratado- a gosto
Salsa desidratada - a gosto
2 dentes de alho
Azeite de oliva- 4 colheres de sopa
Sal

Obs1: As ervas podem ser variadas e combinadas de acordo com o gosto pessoal.
        Pode adicionar azeitonas para variar o sabor.

Preparo: Bater tudo no processador ou liquidificador e guardar na geladeira.

Obs 2: O consumo de soja não é aconselhável para quem tem hipotireoidismo e histórico de câncer de mama.



terça-feira, 30 de outubro de 2012

Mídia e Nutrição - Propaganda das lojas Marisa



Demorei para comentar esta lamentável propaganda, pois não estava achando o vídeo.
Hoje achei e nem sei se está no ar ainda, mas mesmo assim colocarei o meu ponto de vista.

Considero este comercial um absurdo de insensato, um retrocesso para a Educação Nutricional, que é tão necessária diante do caos instalado na consciência alimentar e nutricional da população.

O comercial começa bem e parece que continuará com um discurso lúcido, mas "escorrega" horrivelmente, depois de citar uma lista de alimentos saudáveis e nobres e que qualquer pessoa deveria estar feliz de poder te-los a mesa e usurfruir de seus benefícios, mas o comercial confere a eles a responsabilidade por refeições menos alegres, mas que farão o verão mais feliz, pois a pessoa ficará magra. E termina com a frase: "Tudo vale a pena". Comer os alimentos citados, realmente, valem a pena serem consumidos, pois possuem o potencial de promover vários benefícios ao organismo, criando condições para o corpo trabalhar melhor e manter-se equilibrado e como consequência natural, o peso se ajusta. Não valem a pena por simplesmente ajudarem na redução de peso, pois (repetindo) a redução de gordura corporal é uma consequência natural da saúde, equilíbrio e harmonia do organismo.

E aí questiono: O que é esse tudo vale a pena? Tudo tudo? Até dietas ou outras medidas que desequilibrem a saúde? Caso seja, que beleza é essa, as custas de menos saúde? E que percepção mais limitada de felicidade é essa?  Como se o corpo magro (a qualquer preço) fosse o auge da felicidade que uma pessoa pudesse alcançar. Que sejamos mais magros ou menos magros, mas que novos valores estejam ajustados, nossa saúde equilibrada, com um corpo  desinflamado e com a produção de serotonina (substância responsável pelo bem-estar) adequada, pois estes 2 últimos fatores são responsáveis por tornar nosso paladar mais sensível e que percebamos mais os sabores naturais dos alimentos, sem a necessidade de tantos aditivos, sal, açúcar, realçadores de sabor...etc...e que estão presentes nos alimentos que aparecem no vídeo (relacionado-os a alegria) e que  com eles, mal acostumamos o nosso paladar e acreditamos ser eles que nos confere o prazer na vida. A questão é ao contrário, se sentir bem emocionalmente faz com que percebamos os alimentos mais saborosos.

Precisamos compreender o ato de comer, a vida, beleza e o prazer,  por outra ótica.

Precisamos entender as leis da natureza da vida e do nosso corpo e não brigar contra elas.

Precisamos descobrir o prazer de comer o que nos faz bem e nos mantém em equilíbrio, físico, mental, emocional e espiritual.

Precisamos de muita coisa! O trabalho é árduo. Com minha profissão pretendo facilitar este processo tanto para mim, como para meus clientes, que atendo no consultório, que participam das palestras e dos cursos.

Ver um instrumento poderoso como a mídia, reforçar idéias tão limitantes nas mentes das pessoas e difilcultar a evolução da mentalidade humana, é realmente lamentável!

Pronto desabafei! rs...

Até breve!

Desejo-lhes muita clareza, percepção e discernimento!

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

A Camomila - Falando das flores

Falando mais um pouco das flores, já que estamos na primavera, hoje é a vez da Camomila (Matricaria recutita).

Ao pensarmos em Camomila, a propriedade que mais se associa a ela, creio que seja a propriedade calmante. Ela realmente exerce tal função, porém suas propriedades vão além...e mesmo sendo esta linda flor, precisa cautela no uso.

Ela tem potencial calmante devido sua ação ansiolítica, pois intererage com receptores  benzodiazepínicos. O mesmo princípio ativo responsável por esta ação, a apigenina, seca o líquido aminiótico na gestante, assim é contra indicado durante a gestação.

É carminativa, pois tem capacidade de reduzir gases intestinais e ação antiiflamatória, também no intestino, pois reduz prostaglandina produzida na inflamação e que causa dor. Assim pode auxiliar em caso de cólicas.

Pode beneficiar em casos de gastrite e prevenção de úlceras.

Não recomendo chá de saquinho.

A forma de administração e quantidade depende do objetivo do uso e da necessidade individual.

De modo geral pode-se utilizar a infusão de 1 colher de sopa das flores em 150 ml de água, 2 a 3 vezes por dia (para adultos).

Assim como todo fitoterápico deve-se dar pausa no uso ou fazer rodízio de fitoterápico. Sempre muito bem orientado, estando ciente das suas contra-indicações. Lembrando, que não é porque é natural, que não faz mal ou que é bom para tudo ou bom para todos.OK?

Até breve!

Desejo-lhes muita Paz e Tranquilidade!


quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Coloque mais cor em sua vida- Cromoterapia



 
Além do colorido no nosso prato, podemos usufruir das diferentes vibrações e virtudes das cores, de outras formas...
Gostei deste texto e compartilho com vocês...

As cores estão presentes nas roupas, nos alimentos, em casa, no trabalho, na natureza, enfim, em todos os lugares. E elas podem ajudar a harmonizar o organismo, atuando do nível físico aos mais sutis, equilibrando corpo, mente e emoções. A Cromoterapia é uma palavra de origem grega (Kromos = cor e Teraphia = terapia), que significa "Terapia das Cores", e vem sendo utilizada pelo homem desde as antigas civilizações - como no Egito Antigo, na Índia, na Grécia e na China.
As cores atuam no nosso corpo, mais especificamente nos sete centros de energia que ficam localizados ao longo da coluna vertebral, conhecidos como chakras, fortalecendo e equilibrando os órgãos do corpo. Afinal, acredita-se que um órgão saudável é uma energia reluzente, enquanto um órgão que não é sadio é carente de brilho e luz. As cores agem diretamente nessas partes do corpo, com o objetivo de harmonizá-las.
A Cromoterapia tem como base as sete cores do arco-íris. São elas: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, índigo e violeta. E cada cor tem uma vibração diferente. Por exemplo, o vermelho possui uma frequência mais intensa, enquanto o violeta é uma cor fria, menos intensa.
Para se beneficiar das cores, você pode utilizá-las no dia-a-dia, nas roupas ou acessórios. Entenda abaixo o significado das cores e descubra como cada uma atua:
Vermelho - é estimulante, afasta a depressão, tira o desânimo. É a cor das conquistas, das paixões e da sexualidade.
Amarelo - é ativadora e dinâmica, age sobre os processos mentais. O amarelo afasta as ideias fixas e aumenta a capacidade de raciocínio. É a cor da inteligência, do estudo e da criatividade.
Laranja - é restauradora e regeneradora, traz recuperação depois de um processo destrutivo e a capacidade de refazer o que não está certo. É a cor da coragem, da reconstrução e da melhora.
Verde - é calmante e equilibradora. O verde melhora qualquer estado físico negativo e energiza o corpo e a alma.
Azul - traz equilíbrio, paciência, harmonia e serenidade, tranquilizando o corpo e a mente. Ajuda nos casos de insônia e estresse.
Índigo - trabalha o equilíbrio energético, intuição, proteção, limpeza e purificação de ambientes.
Violeta - é profundamente espiritual, mística e religiosa. O violeta atua sobre quem está espiritualmente desequilibrado, descrente e sem conexão com as forças divinas.
Apesar da Cromoterapia trabalhar basicamente com essas sete cores, existem cerca de outras 5.000 cores diferentes. E cada uma delas oferece um benefício, como o rosa, por exemplo, que trabalha afetividade, amor, harmonia e união, além de ajudar no equilíbrio dos relacionamentos pessoais e profissionais.
Outra combinação positiva é oriunda da mistura do amarelo com o verde, que resulta no verde limão. Essa cor é excelente para fortalecer os ossos, prevenindo doenças como a osteoporose.

Cores também podem ser usadas na água

Outro jeito bacana de fazer uso dos benefícios terapêuticos das cores é por meio de um método conhecido como água solarizada. A técnica é muito simples e fácil de fazer. Basta colocar água mineral em uma garrafa de vidro transparente e depois envolvê-la com papel colorido, como o celofane. Outra possibilidade é comprar uma garrafa colorida ou pintá-la da cor desejada.

O próximo passo é expor a garrafa ao sol da manhã, durante 30 minutos. A luz solar, filtrada pelo vidro ou papel colorido, energiza a água, que adquire as propriedades da cor selecionada. Depois disso, tome dois copos dessa água durante o dia - o primeiro ainda em jejum, pela manhã, e o outro à noite, antes de dormir. Se preferir, também é possível tomar pequenos goles da água ao longo do dia. Isso pode ser feito diariamente. Ao ingerir a água mineral energizada, você irá usufruir todos os benefícios de determinada cor.
Os terapeutas que trabalham com massagem também podem energizar, da mesma forma, os cremes e os óleos vegetais e essenciais. Basta envolver os frascos com a cor desejada e deixá-los expostos ao sol durante 30 a 40 minutos. Depois é só utilizar os produtos durante as massagens.

                                          Curiosidade

No Brasil, quem divulgou a Cromoterapia foi René Nunes, jornalista, conferencista e professor. O especialista se dedicou à pesquisa e aplicação da Cromoterapia em mais de dez mil pessoas, obtendo grande índice de recuperação. Foi o grande divulgador da Terapia das Cores como ciência médica-energética no Brasil. 
 
Texto de Solange Lima Terapeuta holística e numeróloga. Utiliza técnicas como Florais, Aromaterapia, Cromoterapia, Shiatsu, Reflexologia e Reiki

 

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Alquimia da Nutrição em AMARGOSA

Encontro Alquimia da Nutrição em AMARGOSA, 10 de novembro!
Oportunidade para aprender o que há de mais novo na ciência da nutrição, diminuir risco de doenças, promover equilíbrio do peso e obter mais vitalidade!


terça-feira, 16 de outubro de 2012

Despert- ador


É preciso coragem, humildade e paciência para fazer o devido uso da dor, doença, problemas e de nossos inimigos.

   
Despertador (Autor: Roberto Shinyashiki)

Na Índia os mestres sempre dizem:
Os problemas são despertadores que tentam acordar as pessoas para a vida.
Aproveite para acordar logo, antes que o próximo DESPERT-ADOR faça mais barulho.
Pense nisso:

O que essa dificuldade está querendo mostrar a você?

Problemas são avisos que a vida nos envia para corrigir algo que não estamos fazendo bem.

Problemas e doenças são sinais de emergência para que possamos transformar nossas vidas.

Aliás, problemas e doenças guardam muita semelhança entre si.

Infelizmente, a maioria das pessoas, quando fica doente, cai num lamentável estado de prostração ou simplesmente toma remédio para tratar os sintomas em vez de fazer uma pausa para refletir sobre os avisos que essa doença está enviando.

São poucos os que se perguntam:

"Por que meu organismo ficou enfraquecido e permitiu que a doença o atacasse?"

Uma doença é sempre um aviso, embora muita gente não preste atenção nele.

Assim como os problemas, os sintomas vão piorando na tentativa de fazer com que você entenda o recado.
No começo pode ser uma leve dor de cabeça um recado para que você pare e analise o que está faltando em sua vida. Mas você não tem tempo, toma um analgésico e nem percebe direito que a dor está aumentando.
 
Então a dor piora, mas você vai à acupuntura para ali­viá-la e não presta atenção quando o médico diz que o tratamento é paliativo e que você precisa mudar seu estilo de vida para eliminar as causas da doença.

As doenças são recados que precisamos levar a sério, principalmente as doenças que se repetem. Dores de cabeça, alergias de pele, má digestão, todos esses distúrbios querem nos mostrar algo.

Saber procurar e achar as causas deles é uma atitude muito sábia.

Nossos inimigos, da mesma forma que os problemas e as doenças, são gritos de alerta para cuidarmos de algo que não está certo em nossa vida.

Quando os ouvimos com atenção, nossos inimigos podem se transformar em maravilhosas alavancas de crescimento pessoal.

Assim como as doenças e os inimigos, os problemas nos enviam avisos que precisamos aprender a decodificar.

Se você tem um problema que está se repetindo em sua vida, é chegada a hora de fazer uma análise do seu significado para poder superá-lo. E tenha muito claro que, no momento em que supera um problema que o acompanha por algum tempo, uma nova pessoa nasce dentro de você.

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Vegetarianismo na pediatria- Revista Diálogo médico


Abaixo segue um pouco mais  sobre o assunto vegetarianismo, só que dessa vez, respaldando a opção para crianças.
 

Aqui fica  bem claro que é uma possibilidade segura para pais, que já são adeptos ao vegetarianismo e querem criar seus filhos desta forma. Assim como não há a necessidade de obrigarem as crianças a comerem carnes (qualquer tipo), quando as mesma na sua na natureza já não as aceitam bem!

 



Vegetarianismo em Pediatria

by LSimpsonsBrasil
A dieta vegetariana pode ser seguida por crianças.
Esse texto foi publicado na Revista Diálogo Médico: Vegetarianismo em Pediatria
Autor: Dr Eric Slywitch
Não existem mais dúvidas de que a dieta vegetariana (DV) bem planejada é adequada para crianças. A adequação dietética não depende do ato de comer ou não carne, mas sim da forma de elaborar a alimentação sem ela.
Pelo desconhecimento do que é ou deixa de ser uma DV (inclusive sobre a inclusão ou não de ovos, leite e derivados - que também podem fazer parte da dieta vegetariana), alguns profissionais cometem erros conceituais e interpretativos sobre ela.
Os bebês de mulheres vegetarianas apresentam peso ao nascer semelhante ao de filhos de mães não vegetarianas. O peso desses bebês também atinge os valores esperados para nascimento (O'Connell e cols 1989, Drake e cols 1989, Lakin e cols 1998).
Alguns estudos antigos encontraram crescimento insuficiente em crianças seguindo uma DV. Esse achado foi evidente quando a dieta era muito restrita, como no caso de crianças macrobióticas, que não são necessariamente vegetarianas (VanDusseldorp e col 1996). Esse problema se chama falta de alimentação e não vegetarianismo.
Diversos estudos demonstraram que a DV adotada por crianças ovolacto-vegetarianas promove crescimento semelhante ao das não vegetarianas (Hebbelinck e Clarys 2001, Sabate e col 1990, Nathan e col 1997).
As DVs, inclusive veganas, bem planejadas satisfazem as necessidades nutricionais de bebês, crianças e adolescentes e promovem o crescimento normal (Messina e Mangels 2001, Hebbelinck e Clarys 2001, Mangels e Messina 2001).
As diretrizes para introdução de alimentos sólidos, assim como para o uso de suplementos de ferro e vitamina D são as mesmas para bebês vegetarianos e não vegetarianos (Mangels e Messina 2001).
As crianças veganas podem ter necessidade protéica ligeiramente maior que as não veganas (como as ovolactovegetarianas e as onívoras) devido à diferença de digestibilidade e da composição de aminoácidos das proteínas vegetais, mas esta necessidade protéica é atendida quando a dieta contém calorias suficientes e uma pequena diversidade de alimentos vegetais (Millward 1999, Messina e Mangels 2001, Food and Nutrition Board 2002).
A ingestão média de proteínas das crianças vegetarianas (inclusive as veganas) costuma obedecer ou exceder às recomendações, embora as crianças vegetarianas possam consumir menos proteína que as não vegetarianas (Nathan e cols 1996, Sanders e Manning 1992).
As dietas vegetarianas na infância e na adolescência podem criar padrões alimentares saudáveis para a vida toda e apresentar algumas vantagens nutricionais importantes. Crianças e adolescentes vegetarianos apresentam menor ingestão de colesterol, gordura saturada e ingestão maior de frutas, verduras e fibras que os não vegetarianos (Perry e cols 2002, Sanders e Manning 1992, Fulton e Hutton 1980).
O ponto de maior atenção na dieta vegetariana é a vitamina B12, motivo de inúmeras publicações demonstrando deficiência em adultos e crianças. Dessa forma é recomendado uma fonte segura para crianças e gestantes, principalmente. Consideramos fontes seguras: ovos, leite e laticínios. A maioria dos vegetarianos utiliza esses alimentos. No caso dos veganos a suplementação é a via mais segura para garantir o suprimento dessa vitamina.
A American Dietetic Association (ADA) e Dietitians of Canada consideram que: "Dietas veganas e ovolactovegetarianas bem planejadas são adequadas a todos os estágios do ciclo vital, inclusive durante a gravidez e a lactação. Dietas veganas e ovolactovegetarianas adequadamente planejadas satisfazem as necessidades nutricionais de bebês, crianças e adolescentes e promovem o crescimento normal" (ADA 2003).
O vegetarianismo também é incentivado pela American Heart Association (AHA), Food and Drug Administration (FDA), College of Family and Consumer Sciences (University of Georgia) e já que estamos falando em pediatria, Kids Health (Nemours Foundation).
A American Dietetic Association e Dietitians of Canada são enfáticas em afirmar que os profissionais da área de nutrição têm o dever de apoiar e encorajar os que demonstram interesse em seguir uma dieta vegetariana.
Os alimentos utilizados para a obtenção dos nutrientes numa dieta vegana são muito mais diversificados do que os utilizados por onívoros (Christel e col, 2005). Isso demonstra que a dieta vegana (estrita) não é restrita.
Bibliografia
Messina V, Mangels AR. Considerations in planning vegan diets: Children. J Am Diet Assoc 2001;101:661-669.
Hebbelinck M, Clarys P. Physical growth and development of vegetarian children and adolescents. In: Sabate J, ed. Vegetarian Nutrition Boca Raton, Fl: CRC Press; 2001:173-193.
Mangels AR, Messina V. Considerations in planning vegan diets: infants. J Am Diet Assoc 2001;101:670-677
Perry CL, McGuire MT, Neumark-Sztainer D, Story M. Adolescent vegetarians. How well do their dietary patterns meet the Healthy People 2010 objectives? Arch Pediatr Adolesc Med 2002;156:431-437.
Sanders TAB, Manning J. The growth and development of vegan children. J Hum Nutr Diet 1992;5:11-21.
Fulton JR, Hutton CW, Stitt KR. Preschool vegetarian children. J Am Diet Assoc 1980;76:360-365.
Mangels AR, Messina V. Considerations in planning vegan diets: infants. J Am Diet Assoc 2001;101:670-677.
Hebbelinck M, Clarys P. Physical growth and development of vegetarian children and adolescents. In: Sabate J, ed. Vegetarian Nutrition Boca Raton, Fl: CRC Press; 2001:173-193.
Sabate J, Linsted KD, Harris RD, Johnston PK. Anthropometric parameters of school children with different life-styles. Am J Dis Child 1990;144:1159-1163.
Nathan I, Hackett AF, Kirby S. A longitudinal study of the growth of matched pairs of vegetarian and omnivorous children, aged 7-11 years, in the north-west of England. Eur J Clin Nutr 1997;51:20-25.
van Dusseldorp M, Arts ICW, Bergsma JS, De Jong N, Dagnelie PC, Van Staveren WA. Catch-up growth in children fed a macrobiotic diet in early childhood. J Nutr 1996;126:2977-2983.
Nathan I, Hackett AF, Kirby S. The dietary intake of a group of vegetarian children aged 7-11 years compared with matched omnivores. Br J Nutr 1996;75:533-544.
Sanders TAB, Manning J. The growth and development of vegan children. J Hum Nutr Diet 1992;5:11-21.
Millward DJ. The nutritional value of plant-based diets in relation to human amino acid and protein requirements. Proc Nutr Soc 1999;58:249-260.
Food and Nutrition Board, Institute of Medicine. Dietary Reference Intakes for Energy, Carbohydrate, Fiber, Fat, Fatty Acids, Cholesterol, Protein, and Amino Acids Washington, DC: National Academy Press; 2002.
Messina V, Mangels AR. Considerations in planning vegan diets: Children. J Am Diet Assoc 2001;101:661-669.
O'Connell JM, Dibley MJ, Sierra J, Wallace B, Marks JS, Yip R. Growth of vegetarian children. The Farm study. Pediatrics 1989;84:475-481.
Drake R, Reddy S, Davies J. Nutrient intake during pregnancy and pregnancy outcome of lacto-ovo-vegetarians, fish-eaters and non-vegetarians. Veg Nutr 1998;2:45-52.
Lakin V, Haggarty P, Abramovich DR. Dietary intake and tissue concentrations of fatty acids in omnivore, vegetarian, and diabetic pregnancy. Prost Leuk Ess Fatty Acids 1998;58:209-220.
LSimpsonsBrasil | 12 12America/Sao_Paulo janeiro 12America/Sao_Paulo 2012 at 11:05 | Tags: crianças, Dr. Eric Slywitch, pediatria, Revista Diálogo Médico, veganismo, vegetarianismo | Categorias: Saúde, Vegetarianismo | URL: http://wp.me/p1Bwcy-JK

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Alquimia da nutrição - 2ªedição (06/10/2012)

A segunda edição do Encontro Alquimia da Nutrição, que acontecerá 06 de outubro na Fisicom, abordará os mais diversos e polêmicos temas na área da Nutrição, assim como promovemos uma reflexão ampliada sobre a relação da alimentação e saúde ambiental.
Incentivamos a autonomia para a mudança de estilo de vida e a conquista do equilíbrio, harmonia, bem-estar, tendo como consequência natural mais beleza e peso equilibrado.
Mais uma vez em Salvador, vagas limitadas, um curso acolhedor, inovador e transformador!
Dia 6 de outubro- sábado, das 8h30 até às 17h30 - Junte-se a nós e transforme seu estilo de vida completamente!

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Proteção energética pessoal

Olá meus queridos!!!

Vamos nutrir nosso campo áurico?
O elevado padrão de nossos sentimentos e pensamentos é a melhor forma de nutri-lo e consequentemente de nos proteger!

Recebi este texto, da minha querida prima Adriana e compartilho com vocês!!! Grata Driu!




COMO SE DEFENDER DAS ENERGIAS NEGATIVAS

Todos nós sabemos que as energias negativas são uma das maiores preocupações do ser humano. Elas nos alcançam em qualquer lugar do planeta. Mas, podemos nos defender, começando a tomar uma série de atitudes e providências. Abaixo segue seis dicas para começar a combatê-las.
...

1. NÃO TEMER NINGUÉM
Uma das armas mais eficazes na subjugação de um ser é impingir-lhe o
medo. Sentimento capaz de uma profunda perturbação interior, vindo até a provocar verdadeiros rombos na aura, deixando o indivíduo vulnerável a todos os ataques. Temer alguém significa colocar-se em posição inferior, temer significa não acreditar em si mesmo e em seus potenciais; temer significa falta de fé.
O medo faz com que baixemos o nosso campo vibracional, tornando-nos assim vulneráveis às forças externas. Sentir medo de alguém é dar um atestado de que ele é mais forte e poderoso. Quanto mais você der força ao opressor, mais ele se fortalecerá.

2. NÃO SINTA CULPA
Assim como o medo, a culpa é um dos piores estados de espírito que existem. Ela altera nosso campo vibracional, deixando nossa aura (campo de força) vulnerável ao agressor. A culpa enfraquece nosso sistema imunológico e fecha os caminhos para a prosperidade. Um dos maiores recursos utilizados pelos invejosos é fazer com que nos sintamos culpados pelas nossas conquistas. Não faça o jogo deles e saiba que o seu sucesso é merecido. Sustente as suas vitórias sempre!

3. ADOTE UMA POSTURA ATIVA
Nem sempre adotar uma postura defensiva é o melhor negócio. Enfrente a situação. Lembre-se sempre do exemplo do cachorro: quem tem medo do animal e sai correndo, fatalmente será perseguido e mordido. Já quem mantém a calma e contorna a situação pode sair ileso. Em vez de pensar que alguém pode influenciá-lo negativamente, por que não se adiantar e influenciá-lo beneficamente? Ou será que o mal dele é mais forte que o seu bem? Por que será que nós sempre nos colocamos numa atitude passiva de vítimas? Antes que o outro o alcance com sua maldade, atinja-o antecipadamente com muita luz e pensamentos de paz, compaixão e amor.

4. FIQUE SEMPRE DO SEU LADO
A maior causa dos problemas de relacionamentos humanos é a “Auto-Obsessão”.
A influência negativa de uma pessoa sobre outra sempre existirá enquanto houver uma idéia de dominação, de desigualdade humana, enquanto um se achar mais e outro menos, enquanto nossas relações não forem pautadas pelo respeito mútuo. Mas grande parte dos problemas existe porque não nos relacionamos bem com nós mesmos.
“Auto-Obsessão” significa não se gostar, não se apoiar, se autoboicotar, se desvalorizar, não satisfazer suas necessidades pessoais e dar força ao outro, permitindo que ele influencie sua vida, achar que os outros merecem mais do que nós. Auto-obsediar-se é não ouvir a voz da nossa alma, é dar mais valor à opinião dos outros.
Os que enveredam por esse caminho acabam perdendo sua força pessoal e abrem as portas para toda sorte de pessoas dominadoras e energias de baixo nível. A força interior é nossa maior defesa.

5. SUBA PARA POSIÇÕES ELEVADAS
As flechas não alcançam o céu. Coloque-se sempre em posições elevadas com bons pensamentos, palavras, ações e sentimentos nobres e maduros.Uma atmosfera de pensamentos e sentimentos de alto nível faz com que as energias do mal, que têm pequeno alcance, não o atinjam. Essa é a melhor forma de criar “incompatibilidade” com as forças do mal. Lembrem-se: energias incompatíveis não se misturam.

6. FECHE-SE ÀS INFLUÊNCIAS NEGATIVAS
As vias de acesso pelas quais as influências negativas podem entrar em nosso campo são as portas que levam à nossa alma, ou seja, a mente e o coração. Mantenha ambos sempre resguardados das energias dos maus pensamentos e sentimentos, e fuja das conversas negativas, maldosas e depressivas.
Evite lugares densos e de baixo nível. Quando não puder ajudar, afaste-se de pessoas que não lhe acrescentam nada e só o puxam para o lado negativo da vida. O mesmo vale para as leituras, programas de televisão, filmes, músicas e passatempos de baixo nível.

Dica Principal:
Invocar constantemente os Seres de Luz;
Mestres Ascensionados, Arcanjos, Eloins e Elementais da Natureza para ajudar no processo de libertação de medos, culpas, e pedir para ter uma postura elevada e principalmente, que eles nos protejam.

Quem for reikiano se autoaplicar reiki constantemente, porque mais um dos benefícios do reiki é que o campo aurico do reikiano se expande em luz, e fecha prováveis "furos" no campo aurico, por onde entra energia nociva, ou sai energia de vitalidade.

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Brócolis- falando das flores



  
Já que estamos na época das flores...Vamos coloca-las  no nosso cardápio e usurfruir de suas maravilhas???

Vamos começar pelo MARAVILHOSO Brócolis?

Creio que seja um alimento assim, que você mereça!!!rsrs...

Veja o porquê do meu incentivo.

Brócolis  é uma  hortaliça, que além das  suas flores, as folhas e caule, também são comestíveis.
Pertence a família brassicacea, assim como o couve-flor, repolho, rabanete , couve-folha e são chamadas de brássicas.

Ela é altamente nutritiva, rica em  cálcio, magnésio, potássio, vitamina C (mais do que a laranja), sendo um ótimo alimento para saúde óssea. Contém ferro, cromo e selênio (importante na composição da Glutationa, enzima que atua na detoxificação) vitamina A ( boa para pele) e ácido fólico (importante para a gestante, replicação celular e formação do sistema nervoso no bebê)

Rico em compostos  bioativos antioxidantes, além das vitaminas e minerais, já citadas acima e que atuam como antioxidantes (magnésio, vitamina C, cromo,  selênio). Estes compostos são: Carotenóides(Betacaroteno, Luteína, Zeaxantina). A Luteína e Zeaxantina agem na retina , diminuindo a degeneração macular dos olhos; O sulforafano, estimula enzimas desintoxicantes presentes no organismo e auxiliam a eliminação algumas formas de estrogênios, sendo assim um potente agente preventivo contra o câncer. Além de ter potencial de destruir as células cancerosas e inibir  o crescimento de um tumor.

Os compostos antioxidantes retardam o envelhecimento e evitam danos celulares e moleculares, que podem originar várias doenças.
 
 Elimina , também, a bactéria causadora da gastrite e úlcera.

Contém alto teor de fibras  auxiliando no funcionamento do intestino, concluindo o processo de detoxificação.

Deve ser preparado no vapor e em apenas 3 minutos para não comprometer o seu valor nutricional e ação de seus compostos bioativos. Mas pode ser consumido cru e em sucos.
Obs: O alimento cru favorece melhor PH do sangue.

Receita de suco de Brócolis:

3 a 5 flores com folhas e talos + manjericão ou hortelã- 1 ramo médio + 1 fatia média de abacaxi + 150 ml de água.
Bater e coar.

Caso queira otimizar o trânsito intestinal, recomendo coar,  apenas 50% do suco, para aproveitar as fibras, caso o consumo no cardápio do dia esteja baixo!



Obs: As pessoas com hipotireoidismo devem consumir as brássicas com cautela, pois  possuem potencial bociogênico.
Por outro lado seu consumo é importante para a detoxficação, que também é um aspecto  fundamental no processo de tratamento da tireóide, já que a intoxicação atrapalha o funcionamento tireoidiano. Assim,  a orientação de um nutricionista é importante para avaliar a quantidade adequada.

Nos próximos dias publicarei algumas receitas! Ok?

Desejo-lhes que o amor por suas vidas seja crescente e que a cada dia se proporcionem o melhor!

Tudo por uma vida com mais vida!!!

Até breve!

.